Entrevista com o psicólogo Eduardo Souza sobre aspectos da Psicologia do Esporte

Share

 

A Psicologia do Esporte é uma ciência, que estuda os comportamentos de pessoas envolvidas no contexto esportivo e de exercício físico. O objetivo do psicólogo do esporte é entender como os fatores psicológicos influenciam o desempenho físico e compreender como a participação nessas atividades afeta o desenvolvimento emocional, a saúde e o bem estar de uma pessoa nesse ambiente.

Em entrevista ao site PapoPsi o psicólogo Eduardo Souza que trabalha na área esportiva, nos fala sobre os aspectos do psicodiagnóstico na psicologia do esporte, como se desenvolve e os contextos de aplicação.

Confira a íntegra da entrevista:

 

  1. COMO SE DESENVOLVE O PSICODIAGNÓSTICO EM SEU CONTEXTO DE ATUAÇÃO, QUAIS AS FUNDAMENTAÇÕES SÃO UTILIZADAS?

O psicodiagnóstico clássico como conhecemos, de seções estruturadas acontece, mas é nesse sentido, uma situação em locu. Mas temos uma avaliação e uma reavaliação que dura pelo menos três meses. Então nós aplicamos testes de personalidade, inventários de ansiedades estado e ansiedade traço e o tônus, que é o perfil de estado de humor que é para determinar qual o nível deste atleta.  Junto a isso nós temos a observação em campo, a comparação dos resultados e a avaliação em forma de questionário.

  1. QUAIS OS RECURSOS TÉCNICOS UTILIZADOS NO PROCESSO?

Nós podemos usar o neuro e biofeedback, são aparelhagens que dão um mapeamento mental com mais eficácia destes atletas e mostram as condições do organismo e como ele reage à realidade. Fora isso nós temos os recursos básicos.  Nós utilizamos vídeos também, com esses atletas que é para fazer uma comparação do antes e do depois.

  1. A RESPEITO DO TEMPO, FEEDBACK SÃO IMPORTANTES? CASO AFIRMATIVO COMO SÃO REALIZADOS?

Sim, os feedbacks e o tempo são os melhores parâmetros que temos para verificar que esse atleta tenha realmente resultados próximos do que ele imagina. Os feedbacks de três, em três meses são importantes para entender qual a tática que ele vai usar nas próximas competições, do ponto de vista mental. Então ele faz um preparo a partir dos resultados. Nós temos pelo menos essas avaliações que vão medir o quanto esse atleta precisa desenvolver de habilidades mentais, daí faz o resultado e realiza novamente o feedback após três meses.

  1. QUAL A IMPORTÂNCIA DO PSICODIAGNÓSTICO NO TRATAMENTO?
READ  ENTREVISTA - Um olhar sobre as pessoas em situação de rua

Você precisa ter um diagnóstico inicial desse atleta, para entender qual o tipo de encaminhamento. Então muitas vezes posso me deparar com situações que encaminho para outro profissional, então não necessariamente é exclusivo da área de psicologia do esporte. Eu posso encaminhar para médicos, fisioterapeutas para entender melhor o quadro é um trabalho multidisciplinar. Eu não preciso ficar ligado somente a psicologia do esporte.

A psicologia do esporte tem um ato peculiar que visa promover o bem-estar e também melhorar de rendimento, principalmente com atletas mas também posso  estender o trabalho do psicólogo do esporte, como o social, o desenvolvimento, reabilitação, enfim não preciso me render a um tipo de trabalho.




Por: Osmar Ramos, graduando em psicologia/UEFS